Shine Your Light

Objetos não à venda, porém, comprados.

Posted on: 19/12/2010

Olhos fechados para a realidade. Corpo aberto para finanças. Menores abandonados, esquecidos e sem esperança. Só lhes resta uma saída: conseguir dinheiro a qualquer custo. Necessidade de sobrevivência ou ambição? Vontade própria ou uma mão adulta por trás disso? Enquanto a juventude perde sua inocência, a população, acostumada com tais irregularidades, negligencia os casos.

Atrelada à desigualdade social notória, a situação precária, para muitos, se faz real. A necessidade faz, então, com que jovens percam seu valor, pondo em jogo, por dinheiro, o corpo. Na atual conjuntura, é mais lucrativo optar pela própria desvalorização a ter de suplicar por empregos dignos com recompensa baixa. Junto a isso, é também elevado o índice de monstros homens que se aproveitam da situação e abusam dessa liberdade para agir com menosprezo ou desrespeito à garota.

O governo, por sua vez, se omite, tornando, assim, atos ilícitos em banalidades. A parcela de culpa que tem o Estado é de não oferecer condições melhores  nem oportunidades de emprego suficiente a quem precisa. Dessa forma, é quase que obrigatória a fuga das jovens para a prostituição, com a certeza de uma recompensa financeira.

Mas.. será que elas querem isso? Acho que menina alguma escolhe isso pra sua vida. Os pais, com quase certeza, têm parcela de culpa também. Ou elas conseguem dinheiro da maneira que for, ou não voltam pra casa… triste!

Enfim, a exploração sexual soma-se às questões que merecem uma maior discussão na sociedade. Menores têm seu corpo e inocência violentados por pessoas desumanas, evidenciando, mais uma vez, o processo de desvalorização que vem sofrendo a humanidade.

“…
Governo inerte que não vê nada
Mídia que ignora, vendida
Crianças sendo violentadas
Frustrando a inocência, frustrando sonhos.”

Não à pedofilia. Não à exploração sexual.

 

Anúncios

18 Respostas to "Objetos não à venda, porém, comprados."

venda de almas!

Excelente texto, que tua voz ecoe até os ouvidos de autoridades, sociedade e meios de comunicações, para que o grito que proferes seja ouvido e a sociedade não enxergue a prostituição com tanta normalidade..

Excelente texto, que tua voz ecoe até os ouvidos de autoridades, sociedade e meios de comunicações, para que o grito que proferes seja ouvido e a sociedade não enxergue a prostituição com tanta normalidade….

Belo post!

De fato é um tema que soa ser tratado com normalidade, mas, que na verdade merecia ser combatido, fornecido outras oportunidades… Mudado.

Parabéns!

;D

Mais um ponto da triste e incoerente realidade que nos envolve. Uma total perda de valores frente à vida. Meninsa que se vendem, homens que as compram, crianças exploradas (em diversos sentidos, não só o sexual) e pessoas sendo desrespeitadas e humilhadas ou se sujeitando a humilhações por migalhas e ilusões.
Complicado dizer, mas as vezes essa me parecea realidade que fizeram questão de edificar aqui. Tomara que mude!

ótimo texto, o tema abordado nele é muito sério mesmo!
As crianças de rua conhecem a maldade humana muito cedo e não tem aquele período de tudo é lindo e maravilhoso num mundo de fantasias que geralmente o menino comum tem.
No meu blog tem um texto chamado Anjos, que fala sobre meninos de rua, passa lá pra ver.

Parabens pelo seu blog!

Selos pra vc lá no blog!

Excelente texto.
parabens pelo blog.

comenta o meu tbm:
http://ramonborges89.blogspot.com/

Sensacional postagem. Bem direcionada.
É uma preocupação e poucos se atentam ao problema.
Abraço

parabéns precisamos mais disso na net!

parabéns!

O melhor blog do meu …. Bairro!!!
http://blogdocharque.blogspot.com/

Acontece que tudo hoje, graças à mídia marrom e à indiferença, se torna comum. Quem precisa de ajuda acaba se tornando invisível para a maioria. E triste. E nad apior que violência sexual. Já retratei algumas vezes o tema em textos fictícios, ams que espelham a realidade.

http://ovalordaminhainsanidade.blogspot.com/

A violência sexual hoje é tratada com banalidade por parte das pessoas, é uma violência que traumatiza e deixa marcas na vítima pelo resto da vida. Aversão a um simples tocar.

http://ovalordaminhainsanidade.blogspot.com/

é vender uma pessoa é realmente foda

Concordo plenamente contigo. A questão da exploração sexual infantil é escondida socialmente, como se não existisse. Acho que quem acoberta – sejam os familiares ou a própria sociedade – são tão culpados quanto o próprio abusador.

Acho mto bom tu ter levantado essa questão. Talvez tu se interesse por um texto que publiquei em meu blog, sobre a pedofilia em “Má educação” do Almodóvar.

Abraços!!

Olha eu por aqui de novo!
Adoro a sua forma de expor certos tópicos poucos tratados!
Muito bom!!

Parabéns e Feliz Natal!

;D

Passando pra agradecer teus votos e desejar também um Feliz Natal. Tenha uma noite de paz junto à família. Beijo!

belo post

belo blog

Parabens !!!!
http://acreeditee.blogspot.com/

“O pior cego é aquele que não quer enxergar”

Tem gente que acha que tudo é lindo e que não existe problemas nos mundo. Belo post!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: